Procurar
Procurar

Treinamento de colaboradores e clientes é tendência na Satellitus Tecnologia

Um dos grandes obstáculos enfrentados pela maioria dos gestores de empresas é montar uma equipe profissional que tenha desempenho eficiente e harmonioso. Mais do que apenas oferecer bons salários ou benefícios, as organizações precisam criar um ambiente de trabalho estimulante para os colaboradores, a fim de que se sintam à vontade para executar suas tarefas e tenham meios de se desenvolverem profissionalmente em suas posições. 

O investimento em treinamento e desenvolvimento de colaboradores tem se tornado comum em empresas, principalmente devido aos resultados promissores. Com o treinamento de funcionários, é possível desenvolver as habilidades e potencialidades de cada um e, como consequência, gerar o desenvolvimento da própria empresa. Dessa forma, uma empresa composta por um grupo de colaboradores altamente treinados e qualificados não somente está pronta para resolver problemas como também para entregar a melhor solução ou produto ao cliente. 

De antemão é preciso tirar da cabeça a ideia de que treinamento de funcionários é perda de tempo ou despesa extra. O que pode ser entendido como um atraso para a organização, visto que as capacitações levam um certo tempo, deve ser encarado como um investimento de médio a longo prazo. Segundo um estudo elaborado pela EF Education First, em parceria com Longitude, consultoria britânica do Finantial Times, investir no desenvolvimento de colaboradores é promissor: as empresas entrevistadas que mais oferecem treinamento são propensas a crescer 5% a mais no ano, em comparação com suas concorrentes. O estudo contou com entrevistas de 500 executivos de negócios e recursos humanos, de empresas presentes em 17 países.

Capacitar para Prospectar

Você provavelmente já deve ter ouvido falar no ditado “A propaganda é a alma do negócio”. Esse ditado tão conhecido é realmente verdade. Afinal, que melhor jeito de prosperar um negócio do que divulgar o seu produto ou serviço a fim de fazê-lo cair no gosto do povo? O marketing é, sim, um setor responsável por acender a vontade do consumidor, mas sem que haja um pessoal treinado para vender e tornar o produto de fato atrativo aos olhos do consumidor a relação entre o cliente e produto não se concretiza. 

Buscando tornar a primeira experiência do cliente satisfatória, a empresa Satellitus Tecnologia investe ativamente na capacitação dos colaboradores do Time de Sales. Assim que entram na equipe, os novos colaboradores recebem o onboarding, procedimento padrão da empresa, e passam por um treinamento inicial de trinta dias a respeito das funcionalidades dos sistemas AutEM e Veniti, ferramentas desenvolvidas pela Satellitus. Durante esse tempo, os funcionários recebem um panorama mercadológico e empresarial e entendem de que forma os produtos oferecidos podem atender e otimizar a gestão de empresas e assistências. Aliando a teoria à prática, colaboradores acompanham de perto o dia a dia dos Sales Development Representative (SDR) e participam de apresentações realizadas com empresas, para que entendam como são desenvolvidas as abordagens de venda e como os sistemas AutEM e Veniti se encaixam na realidade das empresas prestadoras de serviços.

Sales Coordinator na Satellitus Tecnologia, Daniel Ferreira, explica que os treinamentos são rotineiros dentro do Time de Sales da Satellitus.

“O mercado está em constante evolução e novas tendências precisam ser seguidas de perto. Logo devemos estar atentos para nos anteciparmos a quaisquer mudanças. Promover treinamentos faz com que nossos colaboradores estejam antenados com o nosso sistema e executem com excelência a prospecção de clientes e apresentações, por exemplo. É sempre bom ter em mente que também é necessário trabalhar as individualidades de cada colaborador, por isso é fundamental promover um ambiente de respeito para que todos sintam-se à vontade para compartilhar experiências e sentimentos e que juntos possam extrair o melhor de cada um”.

Daniel Ferreira

Além dos treinamentos práticos, os novos colaboradores testam os conhecimentos e experiências adquiridos por meio de uma Avaliação de Aprendizado. São três provas de diferentes níveis (básico, intermediário e avançado) que são avaliadas por até quatro pessoas entre líderes e sócios. O resultado é replicado em um gráfico radar que permite identificar de forma simples a evolução de cada um. “O intuito dessa avaliação é entender se todo o conteúdo ministrado pelos líderes ficou claro e se foi apresentado de forma correta para os colaboradores. A insuficiência do colaborador em algum assunto, é facilmente identificado através do nosso gráfico radar. Posteriormente, esses pontos são reforçados para que os profissionais possam falar com propriedade sobre nossos produtos”, comenta o Sales Coordinator.

Em relação a preocupação da Satellitus Tecnologia com a capacitação e desenvolvimento profissional dos colaboradores, Daniel Ferreira destaca ser fundamental, já que eles são o maior bem da empresa. “Estamos tratando o maior bem da empresa, o seu capital humano. O treinamento vai muito além da utilização das nossas ferramentas, envolve o desenvolvimento profissional e pessoal de cada colaborador, pois não treinamos pessoas para simplesmente trabalharem e seguirem processos em nossa empresa. Nós capacitamos pessoas para contar com os seus braços, mente e ideias. Consequentemente, temos colaboradores produtivos, criativos e inovadores, que contribuem para o alcance dos objetivos organizacionais e suas metas pessoais”, ressalta.

Daniel Ferreira (Sales Coordinator) e Carolina Lopes (Analista de Customer Success) são responsáveis por treinamentos na Satellitus Tecnologia. (Foto: Matheus Borges/Satellitus Tecnologia)

Cliente em Primeiro Lugar

Se o treinamento é essencial para garantir o interesse dos clientes e, por consequência, garantir a venda, investir na fidelização dos clientes é imprescindível em qualquer organização. Com o intuito de garantir não somente o melhor desempenho de seu produto perante ao mercado, mas também prolongar o envolvimento dos clientes com ele, a Satellitus Tecnologia oferece capacitações aos clientes que adquirem os sistemas AutEM e Veniti. Como a empresa atende clientes em várias partes do Brasil, os treinamentos ocorrem de forma remota. Durante o processo, os usuários dos sistemas aprendem funcionalidades logísticas e operacionais, financeiras e como podem obter relatórios sobre o balanço do próprio negócio.

Carolina Lopes dos Santos, Analista de Customer Success da empresa, explica que antes de realizar o primeiro contato com um cliente o perfil do mesmo é analisado para saber quais são as suas necessidades e de que forma os serviços podem ajudá-lo. “Nós do time de Customer Experience procuramos entender que tipo de cliente estamos assumindo. Então fazemos o primeiro contato, procuramos saber o porquê do cliente contratar o sistema, quais são os clientes do nosso cliente e quais módulos ajudariam ou facilitariam na vivência da empresa. Assim podemos focar e chegar mais rápido ao que gera valor para o cliente”, diz ela.

Após o encerramento dos treinamentos, o Time de Customer Experience inicia a fase de Follow-up com os clientes, em que são realizados acompanhamentos semanais para entender se o cliente está habituado com os módulos e usabilidades do sistema.

Ela ainda destaca que o comprometimento da Satellitus com o treinamento dos clientes busca garantir que estes farão pleno uso dos serviços e que assim tenham a completa experiência que o AutEM e o Veniti proporcionam aos negócios.

“Sabemos que para nossos clientes um sistema para fazer a gestão de serviços e equipes é essencial. Praticamente automatizamos tudo e o cliente consegue ter acesso a todos os dados que são lançados no sistema a qualquer hora e lugar. Nos treinamentos focamos em ensinar que os clientes podem abandonar planilhas e pilhas de papéis, fazer processos, que antes demoravam horas, agora em minutos e realocar funcionários que eram necessários para executar essas tarefas. A Satellitus investe duro em treinamentos, porque para nós não é interessante que o cliente contrate um produto que não vai ajudá-lo e que não possa facilitar e agregar valor”.  

Carolina Lopes

De acordo com Carolina, os treinamentos têm gerado satisfação por parte dos usuários. “Os feedbacks são sempre bons e conseguimos criar bons relacionamentos com nossos clientes. Criamos um vínculo tão forte que muitas vezes o cliente ao procurar assistência pede para falar com a pessoa que o treinou. Acredito que pela forma de abordagem e conexão que criamos durante os treinamentos o cliente se sinta mais à vontade em nos procurar”, afirma a Analista de Customer Experience.  

Comente!